Vencedores - 5º Curta Santos

A seleção do evento reflete a qualidade e a diversidade do curta-metragem brasileiro, reunindo diretores consagrados e jovens talentos.

OLHAR BRASILIS 16mm

Melhor Filme, Direção, Ator e Atriz: Borralho

Direção: Arturo Sabóia e Paulo Barbosa

Ator: Gê Martu

Atriz: Gloria Rabelo

17' 00" | ficção | cor | Corumbá-GO | 2006

Baseado no conto "A fogueira", de Mia Couto, em uma simples e isolada casa no campo, um velho casal se vê diante da sensação de proximidade da morte. Por conta disso, o marido faz uma estranha proposta à sua mulher.

a_saboia@hotmail.com

Link: http://www.youtube.com/watch?v=Ejs437hK0hY http://www.youtube.com/watch?v=ueBPFs9sgmg&feature=related

Melhor Fotografia: Curta Metragem Meta Linguístico de Baixo Orçamento ou Aceita Mais café?

Fotografia: Byron O Neill, Daniel Mendes, Thiago Costa e Mariana Simões

08' 00" | ficção | P&B | Belo Horizonte-BH | 2004

Paciente acorda dentro de um curta metragem e sua enfermeira insiste para que ela aceite mais café.

ordemprimeira@gmail.com

Link: http://www.youtube.com/watch?v—N5X3AaTLUqI

OLHAR BRASILIS 35mm

Melhor Filme e Ator: Pugile

Direção: Danilo Solferini

Ator: Gustavo Brandão e Diego Junqueira Avelino da Silva

20' 00" | ficção | cor | São Paulo-SP | 2007

"Pugile" trata da relação de dois irmãos, um deles portador da Síndrome de Down.

A incompreensão mútua, a responsabilidade e os conflitos familiares são trazidos à tona com o desfalecimento e possível perda da mãe.

dsolferini@yahoo.com.br

Melhor Direção e Fotografia: Sumidouro

Direção: Criss Azzi

Fotografia: Luiz Abramo

18' 30" | documentário | cor | Vale do Jequitinhonha-MG | 2006

Sumidouro é um documentário que aborda a migração de duas comunidades, Porto dos Coris e Peixe Cru, situadas na região do Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais, que serão inundadas pelo reservatório de água da Usina Hidrelétrica de Irapé. Tendo como foco o impacto social gerado com este deslocamento, o documentário resgata as relações estabelecidas com o rio e com os locais que não mais existirão, traçando um paralelo entre diferentes visões sobre esta situação.

prod@camisalistrada.com.br

Melhor Montagem: O Lobinho Nunca Mente

Montagem: Osíris Larkim

Direção: Ian SBF

09' 00" | ficção | cor | Rio de Janeiro-RJ | 2007

Um homem que mora sozinho sofre um acidente domestico que o deixa paralisado. Durante três dias, enquanto espera por alguma ajuda, ele tem a oportunidade de repensar sua vida. Sem nenhuma forma de entretenimento alem de suas lembranças, ele descobre o quanto vale a vida e o quanto merece morrer.

iansbf@hotmail.com

Link: http://www.youtube.com/watch?v=34y-Jh9AkhQ

Melhor Atriz: O Caderno Rosa de Lori Lamby

Atriz: Iara Janra

Direção: Sung Sfai

19' 00" | ficção | cor | São paulo-SP 2005

Garotinha de 8 anos confidencia ao seu diário suas fantasias sexuais com "tios" aparentemente apresentados a ela por sua própria mãe, num lar em que ainda fortes crises de identidade profissional acometem 0 seu pai. Baseado no livro homônimo de Hilda Hilst.

sungsfai@yahoo.com.br

Prêmio Especial do Júri: Santa de Casa

Direçao: Allan Sieber

18' 00" | animação | cor | Rio de Janeiro-RJ | 200

Baseado em um conto de Aldir Blanc. Depois de uma gravidez difícil, Oséias faz a promessa de colocar sua filha para desfilar por três anos em um bloco de carnaval vestida de santa. Logo a menina ganha fama de milagreira.

allan@toscographics.com.br

Link: http://www.portacurtas.com.br/pop_160.asp?Cod=4841&Exib=1

OLHAR BRASILIS VIDEO DIGITAL

Melhor Filme, Fotografia, Atriz e prémio Especial do Júri — Trilha Musical: porcos não olham para o céu

Direção: Daniel Marvel

Fotografia: Isadora Lescano

Atriz: Martins

Trilha Musical: Everton Rodrigues

11' 00" | ficção | cor | porto Alegre-RS | 2007

Você tem mania de quê? Catarina tem de tudo: de limpeza, organização e até de curiosidades. Cansada de tudo resolve acabar com sua vida. Esperando pelo fim de sua agonia algo inesperado desperta a sua curiosidade e ai que ela se lembra da sua decisão e precisa agir rápido se quiser voltar atrás.

danielmarvel@gabafilms.com

Melhor Direção: Doce Amargo Infinito

Direção: Cássio Araújo

15' 00" | ficção | P&B | Fortaleza-CE | 2006

Uma casinha de frente para o mar. Uma velha amargurada pela perda do marido que um dia saiu para pescar e nunca mais voltou. Um filho que, por sentir no mar a presença do pai, resolve também ser pescador. Um neto de 8 anos convivendo com situações opostas — as do pai e da avó — mas que não consegue viver sem contemplar o mar. Um doce amargo infinito...

cassiobassat@yahoo.com.br

Melhor Ator: Tudo o que é sólido pode derreter

Ator: Luciano Chirolli

Direção: Rafael Gomes

16' 00" | ficção | cor | São Paulo-SP 2005

Aos 15 anos, Débora compartilha com Hamilet as dores e dúvidas da adolescência.

www.ioiofilmes.com

Link: http://www.portacurtas.com.br/pop_160.asp?Cod=3437&Exib=1

Melhor Montagem e Som: Na Corda bamba

Montagem: André Bonoto e Vitor M. G. Lopes

Direção: Marcos Buccini

02' 00" | animação | cor | Olinda-PE | 2006

Uma pequena fábula sobre a frieza da vida moderna e a tentativa de se manter a alegria.

marcosbuccini@gmail.com

Link: http://www.youtube.com/watch?v=pxON_jLwyRQ&feature=fvwrel

Prêmio Especial do Júri — Melhor documentário: Stela do patrocínio — A mulher que falava coisas

Direção: Márcio de Andrade

14' 00" | documentário | cor | Rio de Janeiro-RJ | 2007

Stela falava e falava. Com seu "falatório", ela conseguia achar palavras para tudo que não conseguíamos dizer.

marciodeandrade@yahoo.com

Prêmio Especial do Júri — Melhor Animação: Os Três Porquinhos

Direção: Cláudio Roberto

04' 00" | animação | Rio de Janeiro-RJ | 2006

A fábula infantil adaptada à realidade brasileira. Quem tem medo do lobo mau?

claudio@quadrovermelho.com.br

Link: http://www.portacurtas.com.br/pop_160.asp?Cod=4906&Exib=1

Prêmio Especial do Júri — Originalidade do Tema: A Encomenda do Bicho Medonho

Direção: André da Costa Pinto

15' 00" | documentário | cor | Paraíba | 2006

David Ferreira é um desses tipos interessantes que desperta a curiosidade e a admiração de quem conhece suas histórias e engenhocas intrigantes. Aos sete anos de idade, sonhou com um bicho grande, feio e medonho que o encomendava peças feitas em madeira. Hoje, com 94 anos, ainda continua sonhando com o bicho, seu trabalho já chegou a ser comparado com as obras do mestre Leonardo Da Vinci.

andrecostabsm@gmail.com

Prêmio Especial do Júri — Releitura de texto teatral com ousada experimentação de linguagem audiovisual: Medea Desconstruída

Direção: Inês Cardoso

04' 50" | experimental | cor | São paulo-SP e Paris-FR | 2007

Uma adaptação de Medea Material do dramaturgo Heiner Muller.

inescardoso@hotmail.com

OLHAR CAIÇARA

Melhor Filme: Maria Capacete

Direçao: Eduardo Bezerra e Victor Luiz

20' 00" | documentário | cor | São Vicente-SP 2006

O documentário retrata o cotidiano de uma figura excêntrica do bairro México 70, na cidade de São Vicente. Vista como uma pessoa sem sentimentos e perspectivas, Maria, enfrenta preconceitos, humilhações e chacotas de todos, por não aceitar o apelido de "Capacete".

www.oficinasquero.com.br

Link: http://www.youtube.com/watch?v=jVGyiwhhasA

Melhor Direção e Fotografia: Eu acredito em qualquer coisa / Você acredita em qualquer coisa

Direção: Lucas Iannuzzi

Fotografia: Igor Abad e Lucas Iannuzzi

IO' 00" | ficção | cor | santos-sp | 2007

Duas pessoas diferentes lidando com a solidão.

lucas_iannuzzi@hotmail.com

Melhor Montagem: Paralelo

Direção e Montagem: Rubens Nobre

07' 00" | ficção | cor | Santos-SP | 2007

Uma história sobre dúvidas e medos, sobre a sincronicidade dos fatos. Sobre a incerteza do que é amar. Um filme sobre o valor de cada segundo.

falecom@rnobre.com.br

Melhor Som e Atriz: Lovi Stori

Som: Vinicius Giacomini, Michel Custodio e Dino Menezes

Atriz: Rosane Paulo

Direção: Dino Menezes

08' 00 | ficção | cor | santos-sp | 2008

Inspirado no universo do autor Plínio Marcos, Lovi stori mostra os últimos momentos da vida de uma prostituta que para fugir da sua realidade se refugia em livrinhos de romance.

Melhor Ator: Fragmentos

Ator: Ivan Matvichuc

Direção: João Guilherme Peixoto

13' 33" | ficção | cor | Santos-SP | 2006

Seu Geraldo, um homem idoso, abandonado pela filha, enfrenta seu destino ao se encontrar em uma situação inesperada. Sua vida marcada entrem o amor à esposa está se desmoronando pouco a pouco, enquanto o tempo o castiga a viver angustiado em uma casa de repouso. Mas uma oportunidade de sair em busca da verdade o faz descobrir que, às vezes, é melhor esquecer as historias do passado para continuar a ter esperanças e razoes para viver.

joão@4pont02.com.br

Menção Honrosa: Emoções em Paquetá

Direção: Cristiano Sidoti

13' 00" | documentário | cor | Santos-SP | 2007

A luta por cidadania e habitação popular na zona portuária de Santos representada por uma generosa líder comunitária.

c.sidoti@terra.com.br

Link: http://www.youtube.com/watch?v=CyazLut1XQlJ

VIDEOCLIPE BRASILIS

Melhor Videoclipe, Fotografia, Som e Performance: Ela vai voltar

Banda: Charlie Brown Jr

Direção: Afonso Poyart e Ludmilla Rossi

Fotografia : Arnaldo Ouro

Performance : Leo Rosa / Nathalia Lima Verde

03' 08" | videoclipe | cor | São Paulo-SP | 2006

Skatistas e dançarinos de break surgem como elementos de uma paisagem quase abstrata, composta por figuras que transmitem entre 0 lirismo e a realidade enquanto os integrantes da banda são inseridos em cenários fantasiosos e surgem em diferentes momentos do clipe.

mktvirtual@mktvirtual.com.br

Link: http://www.youtube.com/watch?v=150yFF-faV8

Melhor Direção: Eu Vou Tentar

Banda: Ira

Direção: Selton Melo

04 '00" | videoclipe | cor | Rio de Janeiro-RJ | 2007

Um casal, uma estrada e uns desencontros.

imprensa3@agenciaprodutora.com.br

Link: http://www.videolog.tv/video.php?id=241578

Melhor Montagem: Zôo

Banda: Karnak

Montagem: Aline Nóbrega

Direção: Daniel Lima

05' 00 | videoclipe | cor | Goiânia-GO | 2006

Animais que vivem em um zoológico lamentam sua condição de bicho preso. para eles é sempre noite.

limaquarius@gmail.com

VIDEOCLIPE CAIÇARA

Melhor Videoclipe, Direção, Montagem e Performance: Sem Direção

Banda: KM79

Direção: Alex Cechetti e A exandre Volpe

Montagem: Alexandre Volpe

03' 48" | videoclipe | cor | Santos-SP | 2006

4 histórias paralelas envolvendo quatro casais. Estas histórias acontecem no trajeto da banda para um show, realizado na cobertura de um hotel. Os integrantes da banda estão se arrumando e se dirigindo à cobertura, no caminho (corredores, elevador...) eles se deparam com diversas cenas de casais (brigando, beijando...) , pessoas transitando nos corredores, se arrumando em seus quartos, no telefone, cantando... e estes caminhos, são trilhados por eles até que todos se encontram em um hall na cobertura, onde sobem no palco e tocam para a plateia, no telhado (heliponto) do hotel. Intercalando esse percurso, inserts da banda tocando, são salpicados no vídeo, que termina com uma câmera decolando, subindo e terminando o "take" entre nuvens.

volpe@agvdigital.com

Link: http://www.youtube.com/watch?v=7Som4ZwAwKY

Melhor Som e Fotografia: Quem Dera

Artista: Rub

Direção: João Amodio e Rubens Nobre

Fotografia: Alex Moreira

03' 22" | videoclipe | cor | Santos-SP | 2007

Quem dera, se todo dia fosse assim... O mar perfeito você perto de mim, tranquila sob o sol da manhã... Quem dera, se toda praia fosse assim... Com uma direita tubular sem fim, rolassem altas ondas toda manhã... Quem dera agora mesmo pôr as pranchas no rack na estrada com você ao som de Bob, Rub e Jack... Quem dera 0 mar nunca mais ficasse flat. Quem dera essa canção grudasse em seu coração que nem chiclete.

falecom@rnobre.com.br

Link: http://www.youtube.com/watch?v=DlJAWT8ckX-M

Nomes de peso decidiram os premiados das mostras competitivas.

As cinco mostras competitivas da 5a edição do Festival Santista de Curtas-Metragens tiveram um time de jurados de reconhecida competência, formado por nomes como o cineasta Beto Brant, o diretor pernambucano Lírio Ferreira, a cantora Fernanda Porto, o crítico de cinema Luiz Carlos Merten, o diretor carioca Luiz Carlos Lacerda.

O Curta Santos homenageou o ator Édson Celulari, a atriz Júlia Lemmertz, o diretor Beto Brant e o ator santista Sérgio Mamberti, que foi o patrono desta edição. Mostras de filmes de Mamberti e Brant estão na programação. Bete Mendes inaugurou uma estrela na Calçada da Fama do Cine Roxy, onde acontecou a mostra competitiva do festival.

Os filmes selecionados para as mostras competitivas foram avaliados por 15 jurados, que apontaram os vencedores das diversas categorias em disputa.

A Mostra Olhar Brasilis 35 mm teve Adhemar Oliveira, sócio do circuito Cinearte, do qual faz parte o Espaço Unibanco de Cinema; o cineasta Beto Brant, autor de filmes como O invasor e Crime delicado, e o jornalista e crítico de cinema Luiz Carlos Merten.

A Mostra Olhar Brasilis 16mm reuniu o cineasta e produtor cultural Francisco César Filho, programador do Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo e do Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade; o pesquisador e professor de cinema da FAAP Máximo Barro, e Nívio Motta, diretor do Museu da Imagem e do Som de Santos.

A Mostra Olhar Brasilis Vídeo/Digital contou a atriz Débora Duboc; Luiz Carlos Lacerda, diretor de filmes como Leila Diniz e Viva sapato! e o jornalista Marcelo pestana.

Já a Mostra Olhar Caiçara, teve como jurado o jornalista, critico de cinema e cineasta independente Christian Caselli; o roteirista, diretor e produtor Mauro D'Addio, e Guilherme Whitaker, diretor de curtas-metragens e criador do site Curta o Curta.

O Festival de Videoclipes reuniu a cantora e compositora Fernanda Porto; Lírio Ferreira, diretor de Baile perfumado e Árido Movie, e o cantor, compositor e instrumentista Max Vianna.